fbpx

Newsletter para escritório de advocacia: saiba o que é e como fazer

Utilizar uma newsletter para escritório de advocacia pode ser um excelente meio de divulgar o trabalho para os seus clientes. Inclusive, uma agência de marketing digital pode ajudar e muito a planejar esse tipo de estratégia de negócios.

Esse tipo de boletim informativo é enviado de forma recorrente para as pessoas que se cadastrarem em seu site, desejando o conteúdo. Essa ferramenta é ótima para apresentar novos temas, sites e muitas outras informações.

As newsletters são uma importante ferramenta para o que chamamos de Inbound Marketing, ferramenta fundamental na captação de novos clientes e na autoridade da marca no mercado.

Com isso, é possível conseguir uma base fiel de pessoas que o acompanham, uma vez que para receber a newsletter, obrigatoriamente, tem que solicitar o envio.

Porém, é importante estar atento e seguir as normas da LGPD, a Lei Geral de Proteção de Dados, que determina que os dados coletados para com a finalidade do envio da newsletter, precisa ser usado somente para esse fim.

O descumprimento dessas leis geram multas que podem chegar até a R $50 milhões de reais.

Aprender como fazer marketing de conteúdo é fundamental para se manter ativo no mercado hoje em dia.

A newsletter possui um grande impacto na vida daqueles que a assinam, pois estão interessados em um conteúdo personalizado e que acrescente algo positivo em seu cotidiano, como descobrir uma nova forma de fazer algo ou aprender sobre um novo assunto.

Os assinantes buscam consumir informações que passam credibilidade e veracidade, com segurança de que os tópicos apresentados são desenvolvidos por especialistas, seja falando sobre um projeto data center ou sobre leis trabalhistas.

Criando uma newsletter para o seu escritório de advocacia

As newsletters são uma ferramenta fundamental para o setor, uma vez que, além de acrescentar valor para a produção de inbound marketing, se encaixa nas regras do Código de Ética da OAB sobre publicidade profissional.

Sendo assim, essa é uma ação de marketing digital que pode acabar gerando resultados muito positivos.

É importante se atentar também ao tipo de conteúdo que você pode apresentar em uma newsletter jurídica. Elementos como:

  • Notícias;

  • Vídeos;

  • Imagens;

  • Textos Profissionais.

Por ser uma fonte de contato muito mais próxima com seus clientes, é possível usar no conteúdo um tom mais informal, mantendo sempre o profissionalismo e qualidade do conteúdo.

Outro ponto a ser levado em consideração, é o design de sua newsletter que precisa ser planejado de forma eficiente para estimular os usuários a acompanharem o conteúdo.

É importante pensar que atualmente as coisas acontecem muito rápido na internet. Portanto, um e-mail que tenha muitas imagens, ou um conteúdo que demore muito para carregar, pode acabar indo para a lixeira sem que a pessoa leia o material completo.

Seu cartão de visita advocacia no mundo digital é seu atrativo, portanto, crie o conteúdo com muito zelo e planeje a sua divulgação.

É fundamental que o acesso seja rápido, clean e principalmente responsivo. Isso porque hoje em dia a maioria das pessoas usam diversos dispositivos para acompanhar seus e-mails, como computadores, tablets e smartphones.

Cada um desses aparelhos possui uma resolução em específico, então, não estar preparado para isso pode fazer a leitura ficar mais difícil e o cliente perder o interesse.

Procure sempre designs responsivos, que se adaptam à tela de quem está consumindo o material.

A frequência de suas publicações também é algo a ser levado em conta. Embora não haja uma quantidade de dias específica para as postagens, é importante lembrar que ela precisa ser consistente.

Quem irá definir se o conteúdo da newsletter será mensal, bimestral ou em outra frequência é você, que de fato estará criando o material. Mas é importante lembrar de não deixar muito tempo sem enviar, ou criar várias newsletters em um tempo muito curto.

O principal fator para tomar cuidado quando criar sua newsletter é a qualidade de seu conteúdo. Seus textos devem estar alinhados com seu propósito e com o seu público.

Desta forma, você garante que as pessoas receberão qualidade e continuarão acompanhando seu trabalho por mais tempo, além de lembrarem de você quando precisarem de aconselhamento ou serviços de sua área de atuação.

Tente manter suas newsletters o mais interativas possíveis. Não envie textos fechados em PDF ou imagens estáticas.

Sua newsletter deve ser uma porta de entrada para mais conteúdo, através de links para matérias de seu site ou blog, e de outros produtores de conteúdo.

Alguns conteúdos podem ser mais variados, como a criação de um calendário personalizado com fotos para impressão. Isso ajuda a criar uma relação mais próxima com seu público.

Assim, haverá um aumento no tráfego de seu site, convertendo mais clientes para seu escritório uma vez que, com o acesso completo, eles poderão conhecer mais sobre seu trabalho e o trabalho de sua equipe.

Boas práticas para uma newsletter

Conteúdos bons são essenciais, mas não o suficiente para garantir que sua newsletter terá sucesso em seus objetivos. Compreender como utilizar essa ferramenta da melhor forma é uma situação fundamental.

Alguns elementos precisam de um cuidado adicional para melhorar um resultado de sua newsletter, por isso, abaixo seguem pontos ao qual deve se atentar.

1. Personalização

Hoje em dia, as pessoas estão acostumadas a um tipo de atendimento personalizado. É muito mais intimista e interessante para as pessoas que você crie um relacionamento com elas.

Quando um cliente se inscrever em sua newsletter, envie um e-mail de boas vindas para ele.

Assim, você poderá se apresentar e apresentar seu conteúdo, passando uma sensação de confiança para o seu consumidor. Explicar os conteúdos que serão entregues também ajuda a preparar o público e identificar pontos positivos e negativos na sua estratégia.

2. Segmentação

É comum nos escritórios que você tenha uma série de clientes de diferentes áreas, com interesses variados.

Pensando nisso, é possível identificar nichos dentro de seu público-alvo para criar uma série de conteúdos diferentes, até mesmo mais de uma newsletter

Com isso, você torna seu conteúdo mais diverso e relevante, encontrando mais chances de negócios, ao mesmo tempo que transforma seu escritório em uma autoridade relevante em todas as áreas de atuação em que são exercidas.

3. Privacidade

Um dos elementos mais importantes para um cliente é sua privacidade. Isso inclusive converte em leis, como a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), que garante segurança e autonomia para os clientes decidirem se querem ou não consumir um conteúdo.

Por isso, é importante deixar claro a todo momento o que o cliente está assinando, quais tipos de conteúdo serão apresentados, bem como o fato de que ele pode deixar de receber quando desejar.

Além disso, é imprescindível que você tome cuidado com os dados do cliente. Armazená-los em segurança e impedir o acesso de terceiros é fundamental para criar uma boa imagem para a sua empresa e garantir a segurança daqueles que confiaram em você.

4. Referência

Hoje em dia, qualquer pessoa com um e-mail recebe um bombardeio de propagandas, então, identificar os conteúdos relevantes pode ser um grande trabalho. Um dos principais motivos para ter seu e-mail deletado é um nome impessoal.

Alguns termos costumam ser muito mal vistos e identificados como “SPAM”, e-mails desinteressantes que normalmente são descartados sem nem mesmo o conteúdo ser aberto. Por isso, atente-se aos seguintes pontos:

  • Contato;

  • Marketing;

  • Não Responda;

  • Noreply;

  • Vendas.

Colocar o nome de um representante de sua empresa, ou o seu próprio, é fundamental para conquistar mais confiança e garantir a seus clientes que o conteúdo que você está entregando vale a pena.

5. Análise

Todo seu esforço deve ser constantemente avaliado para identificar os resultados de sua produção. É preciso medir o quanto suas ações de inbound marketing estão gerando conversões e identificar os pontos positivos e os obstáculos de sua estratégia.

Identificar esses elementos é fundamental para pensar em melhorias tanto nos conteúdos quanto nas ações apresentadas, experimentando novas estratégias e modelos para gerar um conteúdo cada vez mais adequado.

Com base em suas descobertas, você pode encaminhar sua produção para um conteúdo mais adequado e para uma maior quantidade de clientes, com textos sólidos e interessantes sobre seus conhecimentos dominantes.

É muito provável que, com uma melhor qualidade e variedade de conteúdo em sua newsletter, a quantidade de inscritos comece a crescer.

Desta forma, seus clientes também começarão a aparecer mais, uma vez que iráoirá te considerar como referência em sua área de serviço.

Esse tipo de atividade pode ser feita em qualquer momento, como depois de deixar seus filhos na creche infantil. Com isso, você não toma muito tempo de seu dia e consegue se manter atualizado de todo o contexto.

Com o estudo adequado das métricas e com uma análise detalhada, você saberá os melhores dias, horários e conteúdos para explorar e tornar seu escritório um líder do mercado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido em co-marketing pela equipe da Dgtalmente.7 e do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Deixe uma resposta